ÁREAS DE ATUAÇÃO



APLICAÇÃO DE
OZÔNIO EM BEBIDAS


O tratamento de ozônio acelera o envelhecimento dos vinhos, evita turbidez e refina o seu bouquet, o qual é mantido pôr um tempo maior. A estocagem de leite, sucos e refrigerantes, é aumentada pelo ozônio, evitando sua deterioração. A esterilização de água, necessária a produção de bebidas, é importante devido à crescente demanda de água de boa qualidade.


Saiba mais

APLICAÇÃO DE
OZÔNIO EM CARNES


Para a estocagem de carne é suficiente a aplicação de ozônio em um ou dois períodos diários, com duração de duas horas e concentração de 6mg/m³ de ar. A aplicação de ozônio é benéfica no processo de amaciamento da carne (tenderização).


Saiba mais

APLICAÇÃO DE
OZÔNIO EM OVOS


O ozônio tem sido utilizado, com sucesso, na estocagem de ovos, e desde o fim da década de trinta, mais de oitenta pôr cento dos locais refrigerados para estocagem de ovos nos Estados Unidos já eram equipados com geradores de ozônio para aumentar o tempo de estocagem.


Saiba mais

APLICAÇÃO DE
OZÔNIO EM QUEIJOS


Testes bem sucedidos com o uso de ozônio foram realizados durante o processo de cura e estocagem de queijos. Esporos criados nas superfícies dos queijos, durante o período de cura, foram destruídos e o tempo de estocagem aumentado para onze semanas pela aplicação de ozônio numa pequena concentração de 0,02 ppm na temperatura de 14°C e numa umidade relativa de 80% à 85%.


Saiba mais

DEGRADAÇÃO DE
AGROTÓXICOS


A implantação dessa tecnologia já é obrigatória no Brasil, no tratamento de águas provenientes de lavagens dos tanques das aeronaves agrícolas. É uma excelente opção na degradação de resíduos de agrotóxicos em produtos agrícolas, chegando de 92% a 99,8% de eliminação de agrotóxicos.


Saiba mais

DESINFECÇÃO E
REMOÇÃO DE ODORES


Armazéns de estocagem, de distribuição e ponto de venda refrigerados, podem ser desinfectadas, na maioria dos casos, pela introdução de ar ozonizado. Isto, independente da ação direta do ozônio exercida sobre o alimento, frutas, bebidas, etc., estocados no local. O processo, entretanto, além de desinfectar, remove odores desagradáveis, freqüentemente encontrados nos materiais de embalagens, de tal modo que os produtos podem reter seu cheiro e sabor original.


Saiba mais

EFEITO GERMICIDA


Para a aplicação na indústria de alimentos, devemos colocar grande ênfase nas mudanças de qualidade que tem lugar após o tratamento em uma atmosfera controlada com ozônio, junto aos efeitos específicos, diferentes para cada produto. O poder germicida do ozônio é geralmente específico em relação a determinada espécie.


Saiba mais

EFEITOS SOBRE
O METABOLISMO


O efeito sobre o metabolismo também é uma conseqüência do poder oxidante do ozônio. Nenhuma deterioração de fruta foi observada após a aplicação com ozônio, mas a razão disto é que o ozônio somente afeta a superfície das mesmas, onde compostos de difícil oxidação estão presentes na maioria dos casos.


Saiba mais

EFEITOS SOBRE
ODORES


O ozônio tem um cheiro característico, mas, apesar disto, ele não mascara o cheiro de uma aplicação. O oxigênio atômico, formado na decomposição do ozônio, oxida, imediatamente, as substâncias causadoras do cheiro. De um modo geral, quanto mais baixa é a temperatura e quanto maiores as moléculas envolvidas, mais difícil é a oxidação.


Saiba mais

PRESERVAÇÃO
E ESTOCAGEM


Praticamente a preservação de alimentos começa com a esterilização do ar de tal modo que o local de estocagem contenha quantidade suficiente de ozônio para destruir os microrganismos. A reação de oxidação que se inicia imediatamente nas paredes do local de estocagem, no material de embalagem e na absorção dos produtos.


Saiba mais